Aguarde estamos carregando o maior site especializado em São Paulo
  1. 1Soberano

Sorteio da Libertadores: Dirigentes Brasileiros Analisam os Grupos

Por Redação 1Soberano em 19/03/2024 04:21

Desafios e Nuances da Libertadores para os Clubes Brasileiros

Os dirigentes dos clubes brasileiros que participarão da Libertadores analisaram o resultado do sorteio dos grupos. Apesar de nenhum brasileiro se enfrentar nesta fase, a competição reserva desafios e nuances, como viagens complexas e times que podem ser traiçoeiros.

Grupo B: São Paulo Enfrenta Barcelona e Talleres

"A Libertadores toda é competitiva. Barcelona é tradicional, difícil. O Talleres já ganhou do São Paulo. E o outro jogo é no deserto. É estar preparado, respeitamos todo grupo", afirmou Júlio Casares, presidente do São Paulo .

Grupo D: Botafogo Acredita em Equilíbrio

"O sorteio foi bem equilibrado. Até surpreendente. É difícil apontar grupo da morte. A logística e os clubes são traiçoeiros. Mas a gente vai estar preparado", declarou Thairo Arruda, CEO do Botafogo.

Grupo C: Grêmio Confia em Sua Tradição

"Não tem grupo fácil. Acho que todos os times que chegaram até aqui têm seus méritos. Pegamos os campeões de Chile e Bolívia, além do Estudiantes. É um grupo forte, disputado e esperamos nos classificar para seguir no sonho de ser o primeiro tetra", afirmou Alberto Guerra.

Grupo E: Flamengo Preocupado com Viagens e Altitude

"A Libertadores é isso, tem essas adversidades. Às vezes joga com time menos técnico, mas vai para uma viagem de cinco horas. A gente tem uma altitude considerável", disse Marcos Braz, vice de futebol do Flamengo.

Grupo F: Palmeiras Destaca a Competitividade

"Na Libertadores é uma ilusão achar que é um grupo mais forte ou mais fraco. Todos entram para disputar com muita competitividade. A gente vai fazer o melhor, disputar todas as competições para vencer", afirmou Paulo Buosi, vice-presidente do Palmeiras.

Grupo G: Atlético-MG Reconhece o Potencial dos Adversários

"Não existe grupo fácil. Em uma competição como a Libertadores, sabemos da potencialidade de cada adversário. Peñarol mescla juventude e experiência, sempre é muito aguerrido", disse Victor Bagy, diretor de futebol do Atlético-MG.

AVALIE ESTA NOTÍCIA

Leia também

São Paulo busca liderança do Grupo B na Libertadores contra o Barcelona de Guayaquil

São Paulo busca liderança do Grupo B na Libertadores contra o Barcelona de Guayaquil

Virada dramática no Morumbi: São Paulo vence Fluminense e entra no G6 do Brasileirão

Virada dramática no Morumbi: São Paulo vence Fluminense e entra no G6 do Brasileirão

Fim do ciclo: James Rodríguez deixa o São Paulo

Fim do ciclo: James Rodríguez deixa o São Paulo

São Paulo defende título da Copa do Brasil em busca de redenção

São Paulo defende título da Copa do Brasil em busca de redenção

Comentários: